Blog pessoal criado em 2003
22 de Maio de 2006






ELEIÇÕES INTERCALARES PARA A ASSEMBLEIA DE FREGUESIA DAS ANTAS (DISTRITO DE BRAGA)

EXPRESSIVA VOTAÇÃO NO MPT

O MPT - Partido da Terra ficou em 2º lugar, obtendo uma expressiva votação e alcançando 4 mandatos nas eleições intercalares que ocorreram ontem para a Assembleia de Freguesia das Antas (Concelho de Esposende, distrito de Braga).

O PSD foi o vencedor das eleições intercalares para a Assembleia de Freguesia de Antas, Esposende, depois de ter merecido a confiança de 496 eleitores, correspondendo quatro mandatos.

O Partido da Terra obteve 432 votos (quatro mandatos), e isto apesar de ter perdido algums votos, enquanto o PS teve 198 votos (1 mandato).

Foram às urnas 1167 dos 1820 eleitores inscritos.

Frise-se que esta votação no MPT se traduz na perda de três dezenas de votos mas no magnífico ganho de 1 mandato, com prejuizo do PS que apenas alcançou 1, contra os anteriores 2, eleitos no ano de 2005.

Estas eleições intercalares decorreram da impossibilidade de instalar a Junta de Freguesia, devido a divergências entre os eleitos nas Autárquicas de 9 de Outubro de 2005. Então, o PSD venceu e pretendia governar em maioria, enquanto que MPT e PS exigiam um executivo tripartido.

“As três assembleias realizadas para instalar a nova junta foram inconsequentes, porque ninguém abdicou das suas exigências, até que os eleitos do PSD se demitiram em bloco, provocando eleições intercalares”, explicou então Vítor Faria, membro da comissão administrativa que assegurou a gestão corrente da junta.

Nestes eleições intercalares o MPT e o PS repetiram os cabeças de lista das autárquicas de Outubro, mas o PSD apresentou um candidato diferente, já que Anselmo Cunha não aceitou recandidatar-se e concorreu com António Viana da Cruz, comerciante.

A lista do MPT foi liderado por José Alberto Viana, técnico de pecuária, e o PS por Anabela Lajoso, mediadora de seguros. O PSD ganhou as eleições de Outubro de 2005, com 505 votos, a que correspondiam quatro mandatos na Assembleia de Freguesia, seguido do MPT, com 473 votos e três mandatos, e do PS, com 273 votos e dois mandatos.

A Junta de Antas foi presidida nos últimos 12 anos por Vítor Faria, eleito pelo PSD.

Veremos agora se o MPT é chamado a participar nos destinos da Freguesia, o que a expressiva votação alcançada sem dúvida impõe.
publicado por Pedro Quartin Graça às 13:56
Maio 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
17
19
20
21
27
29
30
Posts mais comentados
11 comentários
11 comentários
10 comentários
7 comentários
6 comentários
5 comentários
5 comentários
5 comentários
4 comentários
4 comentários
Page Rank
Divulgue:
Bookmark and Share
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Com o relvas à ilharga só pode perder!
Não ao servilismo em relação a outros estados; sim...
Considero este texto extremamente rico, ao abordar...
Só uma palavra: concordo!
Obrigado pelo seu comentário.PQG
Lembro-me perfeitamente desse dia trágico: a surpr...
É lamentável, cada vez dou-Lhe menos crédito. Mona...
De acordo com os seus pressupostos mas....como diz...
Caro Dr. Pedro Quartin Graça, em obrigação para co...
Muito lhe agradeço a sua atenção! Parabéns!
Twitter:
    follow me on Twitter
    ResearcherID-Plaxo-LinkedIn-Xing:
    Visualizar perfil de Pedro Quartin Graça no LinkedIn Pedro Quartin Graça Intellectual Property/Patents Expert